Organizando suas fotos no Windows Live Galeria

Da série “Gerenciadores de fotos com reconhecimento facial
O programa faz parte de um pacote de vários aplicativos do Windows Live, como o Messenger, Movie Maker e vários outros.

Para funcionar, ele pede para que você entre com a sua conta Windows Live ID (pode ser “@live.com” ou “@hotmail.com”, por exemplo).

Depois, o programa já importa o conteúdo das pastas Imagens, Vídeos, Imagens Públicas e Vídeos Públicos.

Caso você queira colocar as suas próprias pastas de imagens no programa, basta arrastá-las para dentro ou ir a Arquivo > Adicionar Pasta à Galeria.

A listagem das fotos é feita através das próprias pastas, não utilizando a mesma separação que o Picasa faz, que é por álbuns.

Pastas no Windows Live Galeria de Fotos

Ao abrir uma foto, é possível fazer uma apresentação de slides de toda a pasta ou corrigi-la (clicando no botão Corrigir). São ajustes bastante básicos, como automático, de exposição, cor, rotação, corte, detalhes, olho vermelho e preto-e-branco. Cada uma das funções traz várias definições específicas. Ao clicar em Exposição, por exemplo, é possível controlar o brilho, contraste e as sombras.

Reconhecimento facial
No menu do lado direito da tela você encontrará uma opção chamada Marcas de Pessoas. Todos que forem detectados em uma foto terão um quadrado no meio do rosto. Basta clicar sobre o quadrado e escolher se é você mesmo, ou então “Marcar alguém”. Isso faz com que seja aberta uma janela com os seus contados do Windows Live (inclusive os do Messenger). É possível escolher alguém da lista ou criar uma nova pessoa.

Reconhecimento facial no Windows Live Galeria de Fotos

Todas as pessoas que forem marcadas aparecerão com um ícone de etiqueta no lado esquerdo da tela, seguido do nome. Assim, é possível ver fotos somente com algumas pessoas específicas. O problema é que o programa simplesmente não faz a detecção de quem é quem se você não o fizer manualmente. Funciona da mesma maneira que o Orkut: ele detecta que é uma pessoa, mas quem faz a identificação é você mesmo.

Conclusão
A intenção dos programas que vêm no pacote Windows Live é complementar a experiência do usuário com o sistema operacional. O programa consegue cumprir as suas funções, de exibir as suas fotos e permitir correções simples. Aliás, a função de ajustes da imagem é bastante boa, pois oferece controle sobre cada alteração. O peso dele é semelhante ao do Picasa, não é muito grande.

Entretanto, o programa não é organizado — ele simplesmente mostra as suas pastas de fotos e imagens dentro dele. Não há criação de álbuns, por exemplo. Assim, a pergunta que você acaba fazendo a si mesmo é: para que um programa como o Windows Live Galeria de Fotos quando se pode ver as imagens diretamente nas pastas?

É inegável que o programa também permite se organizar, com palavras-chave nas fotos e o reconhecimento facial. O problema é que o tal reconhecimento não funciona bem assim, já que é 99% manual (o 1% refere-se ao fato de ele identificar que existem rostos nas fotos).

Deixe seu Comentário