Glide OS

O Glide OS, da Transmedia, se destacou entre os demais webtops.

O serviço tem uma variedade de ferramentas funcionais que podem ajudá-lo a realizar as tarefas, seja trabalhando sozinho ou em um grupo de discussões online.

Uma conta básica no Glide é gratuita, inclui 10 gigabytes (GB) de armazenagem online e a possibilidade de incluir até seis usuários sob um mesmo login.

Uma opção paga custa 4,95 dólares por mês (cerca de 50 dólares por ano) para até 25 usuários compartilhando 25GB de armazenagem. Não se pode adicionar mais usuários, mas por 4,95 dólares adicionais ganha-se mais 25GB de espaço.

glidedesktop_450.jpg

O Glide obteve a mais rápida inicialização e tempo de resposta de todos os sistemas online testados. O serviço tem aplicativos para processador de texto, planilhas, apresentações, calendário, agenda de contatos e até uma ferramenta para construir um site.

O desenvolvedor diz que seus aplicativos têm suporte de compatibilização com mais de 250 formatos de arquivos, e que o usuário pode criar encontros online com outros usuários do Glide OS que estiverem conectados. Este webtop também oferece controle gradual, com o qual é possível definir com quem quer compartilhar documentos e com que frequência.

O Glide também oferece um aplicativo de e-mail que utiliza tanto o padrão POP quanto o IMAP, e possui uma ferramenta de buscas da Ask.com integrada. Além disso, também oferece um editor de fotos e um tocador de músicas. O pacote de produtividade, incluindo e-mail, processador de texto e outros aplicativos também pode ser conectado a partir do novo serviço de rede social chamado Glide Engage.

O Glide é dividido em três seções: desktop, seu sistema online de arquivos (chamado Glide HD) e o Glide Portal, que permite que acessar o conteúdo da web diretamente do ambiente do Glide. Estas seções juntas oferecem uma boa maneira de se navegar pelo sistema online e são facilmente localizados no topo da tela do browser.

No entanto, o desempenho do Glide Portal foi um pouco inconsistente, dependendo do navegador utilizado. Links para notícias, por exemplo, estavam inativos quando utilizamos o Firefox 3.5 e o Safari 4.

Quando utilizamos o Google Chrome para Mac pudemos navegar nos links externos a partir do portal, mas o resumo das notícias que vimos no Firefox e Safari tinha desaparecido. Porém, é bom lembrar que o Chrome para Mac ainda está em desenvolvimento e, portanto, não é a melhor opção para se testar um serviço baseado na web.

Com o Glide, pode-se pegar mídias diversas – como documentos, vídeos, arquivos de música e mesmo um link da web do portal – e usá-los em uma variedade de ações. Por exemplo, é possível adicionar notícias a anotações de reuniões, enviar por e-mail ou criar um grupo de discussões para esta notícia.

O Glide OS tem um aplicativo de sincronização para o seu desktop local e um aplicativo móvel que funciona em mais de 100 dispositivos, incluindo aqueles com Windows Mobile, Symbian, BlackBerry, iPhone ou Android.

Prós: 10GB de armazenagem gratuita; contas com múltiplos usuários; aplicativos móveis; grande variedade de aplicativos; boa ferramenta de busca; e um bom sistema de armazenagem.

Contras: O Glide Portal não é eficiente; não tem mensageiro instantâneo; não possui visualização em tela cheia; e não permite mudar a ferramenta de busca.

Dica: O Glide OS tem alguns conflitos com o Internet Explorer 8 que requerem alguns ajustes no Registro para arrumar. Se não estiver confiante em modificar o Registro, então é melhor usar outro navegador como Firefox, Opera, Chrome ou Safari.

Deixe seu Comentário