Como é a banda larga de R$ 35

O Ministério das Comunicações divulgou os detalhes do acordo com as operadoras de telefonia fixa para ofertar internet a 35 reais pelo o Programa Nacional de Banda Larga (PNBL).

O termo de compromisso foi assinado com a Oi (fixa e móvel), Telefônica (incluindo a Vivo, na telefonia móvel), CTBC e Sercomtel.

Ficou acertado que as empresas vão vender aos consumidores pacotes de internet nos moldes do plano definido pelo governo.

Preço

O preço mensal pago pelos assinantes que optarem pela internet dentro do PNBL é de 35 reais em unidades da federação onde não houver isenção de ICMS e 29 reais nas localidades onde o governo estadual abre mão da cobrança desse imposto. Por enquanto, apenas São Paulo, Bahia e o DF não fazem essa cobrança. Outros Estados estudam a questão.

Velocidade

A velocidade dos pacotes oferecidos pelas empresas por meio do PNBL será de 1 Mbps (megabit por segundo).

Deixe seu Comentário