Autonomia da bateria dos netbooks

Embora o processador Intel Atom não seja um devorador de energia, os netbooks não são conhecidos por oferecer uma longa duração para a bateria.

Isto ocorre porque os fabricantes tentam reduzir os custos inserindo uma bateria modesta, de três células.

Se você tiver sorte, uma bateria deste porte irá durar cerca de 2,5 horas com uma única recarga, de acordo com os testes mais recentes.

Portanto se você pretende se manter produtivo com seu netbook durante uma viagem, provavelmente você precisará comprar uma bateria extra para estender a autonomia da sua máquina.

Acer Aspire OneO netbook Acer Aspire One é um exemplo. Pronta para o uso, esta máquina é vendida por cerca de 300 dólares (no Brasil se encontra na média de 1.300 reais); mas se você quer que a bateria dure mais será preciso desembolsar outros 100 dólares por uma opcional de seis células, que efetivamente dobra a duração da bateria atual.

A bateria extra também adiciona um pouco de peso para o sistema: cerca de 140 gramas de diferença entre a bateria de três e de seis células, mas a maior durabilidade entre as recargas compensa o investimento extra.

A Asus é, hoje, a fabricante que tem produzido netbooks com baterias de maior duração da carga. O motivo: a inclusão de uma bateria com oito células. A fabricante também costuma oferecer tanto a bateria padrão como a estendida em seus netbooks, permitindo que os usuários escolham a bateria ideal para suas necessidades.

Em alguns modelos mudar para uma bateria maior pode ser uma vantagem: ela aumentaria o tamanho do netbook, fazendo com que ele fique levemente mais inclinado, permitindo que a digitação seja mais ergonômica e mais fácil.

« Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo »

16 Comments

  1. Pingback: Opções de aplicativos para netbooks 25 de outubro de 2011
  2. sergio 6 de julho de 2011
  3. sergio 6 de julho de 2011
  4. sergio 6 de julho de 2011
  5. sergio 6 de julho de 2011
  6. sergio 6 de julho de 2011
    • Eduardo Tetera 6 de julho de 2011
  7. sergio 5 de julho de 2011
  8. Gustavo 12 de março de 2011
  9. Gustavo 11 de março de 2011
  10. valter 4 de maio de 2010
    • Eduardo Tetera 10 de maio de 2010
  11. valter 4 de maio de 2010
  12. Pingback: Linux como opção para netbooks 5 de março de 2009

Deixe seu Comentário