Seria a internet o gatilho da morte da TV?

Hoje é difícil imaginar a humanidade sem a televisão.

Ela modificou completamente o modo como o ser humano vive durante o século passado e, provavelmente, continuará fazendo o mesmo por várias décadas.

Há alguns dias li no blog Televisão 3D um questionamento sobre como a tecnologia facilitou a nossa vida e não consegui deixar de pensar nas TV´s.

Muitos jovens dirão que “hoje ela está demorada, defasada”, mas esses são os mesmo que nasceram e cresceram tendo essas caixas quase como companheiras.

Dizem que a internet está matando a televisão. Não discordo, tão pouco concordo. A televisão modificou todo o ambiente familiar: criou um passatempo, onde vemos o jornal, o futebol e o filme.

É tudo fácil, é só sentarmos, apertar o botão e aí está: tudo pronto, ao nosso alcance. Será que esse mundo diante de nossos olhos será substituído pela internet, onde “temos” que procurar o conteúdo que queremos consumir? Acredite, há quem odeie a internet justamente por causa disso.

O que acontece é que ambas tecnologias, cada vez mais, se encontram. Na TV vemos publicidades de sites e matérias sobre os trending topics do Twitter. Já na internet, o assunto é o Big Brother e a gravata do William Bonner. Daí a perguntar onde vamos parar, é fácil a resposta: não sairemos do lugar, quem se moverá até nós é a comunicação.

Deixe seu Comentário