GM lança carro elétrico que se conecta à Internet

Problemas com trânsito na cidade? Dificuldade para estacionar?

Gastando demais com combustível?

A General Motors apresentou nesta terça-feira em Nova York o protótipo de um veículo que pode ser a solução para esses problemas.

Trata-se de um carro elétrico para dois passageiros, que chega a 56 Km/h e tem autonomia de 56 quilômetros. O carro é movido por baterias de íon-lítio que alimentam dois motores elétricos.

Puma - Carro elétrico conectado à Internet

O protótipo ganhou o nome de Puma, mas não tem nada a ver com o antigo modelo esportivo que fez sucesso no Brasil. Na verdade é a sigla para “mobilidade e acessibilidade pessoal urbana” (em inglês).

O Puma foi desenvolvido em parceria com a Segway, empresa que desenvolveu e fabrica atualmente veículos elétricos de duas rodas que se mantêm em equilíbrio por eles mesmos graças a um sistema de giroscópios, já tendo lançado 60 mil unidades.

Ao contrário dos veículos produzidos atualmente pela Segway, no Puma os passageiros andam
sentados e o veículo é guiado por um pequeno volante. Segundo os fabricantes, o Puma foi projetado para interagir com outros veículos de modo a evitar acidentes e funcionar conectado à Internet, permitindo melhor planejamento do tráfego e evitando congestionamentos.

Segundo a GM, o Puma permitirá que as pessoas “andem por dentro das cidades com mais rapidez, segurança, limpeza e silêncio, e por um custo bem inferior”. Segundo os fabricantes, o Puma deverá custar entre 30% e 25% do preço de um veículo convencional.

Deixe seu Comentário