Evite comprar um iPhone roubado com o novo recurso da Apple

A Apple lançou uma nova página para usuários conferirem se iPhones, iPads e iPods foram bloqueados com senha pelos donos anteriores.

O recurso deve ser especialmente útil para quem pretende adquirir um aparelho usado, que pode se tornar uma grande dor de cabeça caso ainda esteja com o Bloqueio de Ativação funcionando.

O site é relativamente simples, e exige apenas que você informe o número de série ou o IMEI do dispositivo, que servem como a “identidade” dele.

As combinações podem ser encontradas na parte “Geral” das configurações, na traseira do aparelho ou na bandeja do cartão SIM, dependendo do modelo.

Informada a sequência, o sistema mostra se o gadget está com o a função de bloqueio ativada ou inativa e se você deve comprar o aparelho ou não.

A ferramenta também é útil para evitar que alguém compre um iPhone roubado.

Dispositivos nessas condições muito provavelmente ainda estarão com o recurso de proteção funcionando, visto que ele não é desativado mesmo que o ladrão restaure o aparelho aos padrões de fábrica.

Por causa do Bloqueio de Ativação, o novo dono ainda precisará informar a senha estabelecida pelo antigo quando for configurar o aparelho pela primeira vez – e caso não saiba, terá em mãos um peso de papel.

O recurso de proteção foi introduzido pela Apple na sétima versão do iOS, como parte do já conhecido Buscar iPhone.

Com a funcionalidade, a empresa esperava provocar uma queda na quantidade de roubos de smartphones da marca – objetivo que foi alcançado, conforme mostraram os números dos cinco primeiros meses deste ano.

Evite comprar um iPhone roubado com este novo recurso

Os furtos de produtos da Apple em Nova York caíram 19% nesse período, enquanto São Francisco e Londres viram reduções ainda mais acentuadas, de 38% e 24%.

Se você pretende vender seu aparelho da Apple de forma legal, vale desabilitar o Bloqueio de Ativação seguindo as instruções aqui desta página.

Dessa forma, dá para evitar transtornos futuros tanto para você quanto para o futuro dono.

Já se sua vontade é comprar um iPhone ou um iPad usado, vale conferir o número de série dele aqui antes de fechar negócio.

Deixe seu Comentário