Dell testa netbook educacional em projeto nacional

A Dell anunciou hoje a chegada do netbook educacional Latitude 2100 ao mercado brasileiro.

Mas, diferente dos demais modelos da fabricante, o 2100 será usado apenas em escolas, e o primeiro projeto piloto com esse equipamento já está em andamento na cidade de Hortolândia, em São Paulo.

O projeto de Hortolândia ocorre em 26 escolas públicas do município, beneficiando mais de 6 mil alunos e 90 professores.

O uso do netbook é adicional a lousas eletrônicas, projetores e conteúdo especial criado para o ambiente educacional.

Netbook Dell educacional

“Para muitas crianças, ir à aula é como entrar num avião: você precisa ficar preso a uma cadeira o tempo todo e tem que desligar todos seus eletrônicos”, comparou Paul Bell, presidente de assuntos públicos da Dell.

Bell disse que é indispensável ter o ensino fundamental (com matemática, artes, ciências) nas escolas, além de habilidades tradicionais (lógica, precisão) e preparar o aluno para “habilidades do século XXI”, como tecnologia, uso de comunicações digitais, entre outros.

O netbook Latitude 2100 vem protegido por uma capa emborrachada e conta com uma lâmpada indicadora de atividade de rede, caso o aluno não cumpra a tarefa e acesse a internet, por exemplo. O modelo vem em diversas cores (amarelo, preto, verde, azul e vermelho) e conta com um teclado adequado às mãos dos alunos.

O modelo deve ser vendido diretamente a escolas. Nos Estados Unidos, o 2100 é comercializado também para o mercado corporativo e governos.

Deixe seu Comentário