Como funciona o rastreamento de antivírus do Gmail?

O Gmail rastreia todos os anexos que passam por seu servidor.

E isto é feito em dois momentos:

1. Quando os anexos são entregues em sua conta
2. Novamente quando você abre uma mensagem.

Os anexos que você envia também são rastreados.

Verificar se os anexos contêm vírus protege os usuários e as suas informações, evitando a disseminação de vírus.

Veja outras ações antivírus do Gmail

  • Se um vírus for encontrado em um anexo recebido por você, o sistema tentará limpar o arquivo, para que você possa acessar as informações contidas nele. Se o vírus não puder ser removido do arquivo, você não poderá fazer download dele.
  • Se o seu sistema não for capaz de rastrear certos arquivos, você verá um erro de leitura informando que ‘Opa… O rastreador de vírus está com um problema.‘ Você terá a opção de tentar novamente ou de fazer download por sua conta e risco. Lembre-se de que, se o Gmail não for capaz de rastrear o conteúdo do arquivo, não será possível garantir que é seguro visualizá-lo.
  • Se um anexo que você está tentando enviar estiver infectado por um vírus, o Gmail vai exibir uma mensagem de erro para avisá-lo disso, mas não vai limpar o arquivo. Para enviar uma mensagem sem o anexo, clique no link da mensagem de erro com o título ‘Remover anexo e enviar.
  • Se o Gmail detectar que você está tentando enviar um anexo infectado, sugerimos que execute um software antivírus, no caso de a sua unidade de disco rígido estar infectada. Se você não possui um software antivírus, você deve considerar a possibilidade de adquirir/instalar um aplicativo popular, de modo a proteger o seu computador e as informações contidas nele contra vírus. O software gratuito Google Pack vem com aplicativos avançados de antivírus e antispyware.

Deixe seu Comentário