Como economizar bateria no celular

Passar o tempo todo competindo com os amigos no jogo Candy Crush pelo smartphone pode ser bem divertido, mas descobrir que a bateria se esgotou na hora de fazer uma chamada de emergência é bem desagradável.

Não é muito difícil prolongar o tempo de uso dos aparelhos entre as recargas, mas exige disciplina e o conhecimento das opções de configuração do aparelho.

Confira as dicas de como fazer isso em equipamentos com Android, iOS e Windows Phone.

O iOS 7 vai mais longe

Muitos dos recursos do iOS 7 são atraentes, mas ajudam a drenar a bateria do aparelho e não são indispensáveis. A dica é deixar ativo somente o que é realmente útil e desabilitar todo o resto.

O serviço de compartilhamento AirDrop, por exemplo, é restrito a poucos aparelhos e pode ser dispensado se você compartilha arquivos na nuvem.

Abra a Central de Controle, toque em AirDrop e depois em Inativo. O efeito Parallax não passa de um charme visual, proporcionando sensação de profundidade e perspectiva.

Desative-o em Ajustes > Geral > Acessibilidade > Reduzir Movimento.

Para evitar que o Spotlight carregue resultados de busca desnecessários, selecione o que realmente deve ser pesquisado em Ajustes > Geral > Busca do Spotlight.

Outra medida é impedir que apps busquem frequentemente atualizações na web em Ajustes > Geral > Atualização em 2º plano.

Poupe energia no Android

Cada aparelho com Android administra a bateria de uma maneira e oferece seus próprios recursos de economia.

Proprietários de alguns modelos da Sony, por exemplo, podem conferir o status da bateria e ativar a economia de energia em Configurações > Gerenciamento de Energia.

Além disso, o sistema móvel da empresa traz o Modo Stamina, que deixa os dados móveis e o Wi-Fi inativos enquanto a tela está desligada.

Em alguns smartphones Samsung, as opções de economia ficam em Configurações > Econ. de Energia.

Nesta seção, o usuário pode limitar o uso de CPU e optar por diminuir o brilho da tela e da cor de fundo ao usar a internet.

Em Configurações > Bateria há como conferir o status da bateria e o uso de energia dos diferentes apps e serviços. Os recursos foram testados nas versões 4.2.2 (Sony) e 4.1.2 (Samsung) do Android.

Economia no Windows Phone

Não é preciso navegar entre várias seções para desativar recursos e poupar bateria no Windows Phone 8.

O sistema móvel da Microsoft já vem com uma opção que ajuda a controlar os aplicativos e as configurações de energia do aparelho.

Quando está nesse modo, o aparelho não busca atualizações de e-mail e calendário nem permite que serviços sejam executados em segundo plano.

Para ativar a opção, acesse Configurações > Economia de Bateria. Nessa seção, é possível escolher entre ativar o recurso somente se a bateria estiver fraca ou deixá-lo ligado até a próxima recarga. Ao acionar o recurso, um pequeno coração aparece em sobre o ícone de bateria.

Sem Wi-Fi, GPS e Bluetooth

Alguns serviços podem ser indispensáveis no dia a dia. Outros, nem tanto. O recurso de localização, por exemplo, pode ser ativado somente quando necessário.

No iOS, para limitar os apps que usam o GPS, acesse Ajustes > Privacidade > Serv. Localização e desative os itens desejados.

No Android, esta opção está em Configurações > Serviços de Localização ou nas configurações de cada aplicativo. O Windows Phone permite desativar a localização de modo geral, em Configurações > Localização > Desativar.

Desativar o modo de vibração e os sons de teclado e de bloqueio de tela também ajuda a poupar a bateria. Outros recursos que podem ser desativados são o Bluetooth, a rede de dados, o Wi-Fi e as atualizações automáticas de apps.

Caso esteja em um local onde não há sinal de operadora nem Wi-Fi, ative o Modo Avião para que o aparelho não gaste bateria procurando a rede.

Evite o calor

Os aparelhos modernos usam bateria de íons de lítio. Ao contrário dos modelos de níquel cádmio, as baterias de íons de lítio não precisam estar totalmente descarregadas para nova recarga.

Mas têm igualmente um grande inimigo: o calor. Portanto, nada de esquecer o celular no carro nem deixá-lo sob o sol.

Embora não seja obrigatório, é recomendável também recarregar o dispositivo quando ele estiver com pelo menos 50% de bateria para evitar o aquecimento durante a recarga, o que também pode afetar a vida útil do componente.

smartphones

Deixe seu Comentário