Será que o Google Keep consegue competir com o Evernote?

A Google está desafiando o popular Evernote com o lançamento do Keep.

Keep é um serviço que permite armazenar anotações, listas de tarefas, links para sites e fotos de coisas das quais você tem que se lembrar.

Rumores sobre o serviço surgiram em meados deste mês de março, depois que ele se tornou brevemente disponível para um pequeno número de usuários do Google Drive.

Mas foi só na última quarta-feira (20/03) que a Google apresentou oficialmente seu mais novo produto.

O Keep está disponível na forma de um app para o Android 4.0 ou superior, e também no navegador.

Mas mesmo que a Google esteja oferecendo uma forma de acessar suas notas em um PC, não se engane pensando que o serviço foi feito tanto para desktops quanto para dispositivos móveis.

A versão atual do Keep enfatiza a criação de notas em seu aparelho Android, e o acesso a elas a partir de qualquer lugar.

Você pode até criar notas usando a interface web, mas há limitações que não existem na versão mobile.

Conhecendo o Keep

A Google apresenta o Keep como um substituto para aquele monte de notinhas amarelas espalhadas por sua mesa, monitor e geladeira.

A principal vantagem, claro, é que você pode acessar suas notas e lembretes de qualquer lugar com acesso à internet, já que tudo é sincronizado com o Google Drive.

Criar uma nota na versão Android do Keep é fácil: no topo da tela há um menu com ícones que permitem criar uma nota de texto, lista de tarefas, nota de áudio ou tirar uma foto.

Um recurso muito útil é capaz de transcrever sua fala em texto, com a gravação original integrada ao corpo da nota.

Fotos incluem um espaço para você adicionar texto se quiser.

Você também pode criar uma nota rápida tocando na área “Adicionar nota rápida” acima dos ícones.

Deixe seu Comentário