"Removemos o Windows Vista"

A rejeição de grande parte dos consumidores ao Windows Vista criou um novo nicho de mercado: a remoção do sistema operacional.

Um ano após sua estréia comercial, o Vista está presente em boa parte das novas máquinas que saem de fábrica.

Esta semana, o jornal americano Seattle Post Intelligencer exibiu a foto de uma loja de informática, em New Hampshire, que se dedica a remover o Vista dos PCs.

Achou útil o novo serviço oferecido pela loja?

“We remove Vista”, diz um cartaz em frente à loja. Muitos donos de novos desktops e, especialmente laptops, que saem de fábrica com o Vista alegam preferir o XP.

A versão mais antiga do Windows (XP) carrega mais rapidamente, opera de modo eficaz com menos memória RAM e apresenta melhor compatibilidade com aplicativos fabricados por terceiros.

Oficialmente, a Microsoft diz que pára as vendas do XP em 30 de junho.

Atualizado em 1º de Julho/2008: Contrariando o que havia anunciado, a Microsoft parou ontem (30/jun) de vender o Windows XP. Veja o artigo Windows XP não é mais vendido. E agora?

Deixe seu Comentário