Orkut estréia novas ferramentas de segurança

O Google anunciou novos recursos no site de relacionamentos Orkut que pretendem ampliar a segurança dos usuários desta rede social e aumentar a vigilância sobre a publicação de conteúdo impróprio no serviço.
Entre as novidades apresentadas está o recurso que permite ao “dono” de uma comunidade adicionar até outros nove moderadores no grupo. A idéia é que com mais moderadores, a remoção de conteúdo impróprio seja mais rápida.
O Orkut também vai bloquear automaticamente links e arquivos postados no serviço que o engine da ferramenta reconhecer como suspeitos. Links publicados em massa, por exemplo, são suspeitos pois podem indicar um método de espalhar vírus ou mesmo uma mensagem de spam.

Internamente, o Google vai ampliar a equipe de revisão de conteúdo do Orkut. A equipe revisa manualmente conteúdo checado aleatoriamente ou denunciado por membros do serviço. A empresa afirmou ainda que manterá um canal direto com autoridades brasileiras para encaminhar e receber denúncias.
O Google comunicou ainda que fará uma campanha para divulgar os efeitos positivos da rede social. Os detalhes da campanha não foram divulgados.

O conjunto de medidas é uma reação do Google às múltiplas ações na Justiça e pressões do Ministério Público para que a empresa quebre o sigilo de autores de mensagens criminosas e regule o conteúdo publicado na rede de relacionamentos.
Um das ações movidas contra o Google Brasil pede que a empresa seja multada em R$130 milhões por conta de ordens judiciais supostamente descumpridas pela empresa. O Google recorreu da ação em segunda instância e aguarda decisão da Justiça.

Deixe seu Comentário