‘Grupos automágicos’ – Recurso do orkut descobre grupos de amigos e sugere nomes

Alguma vez você já quis ver no orkut apenas as atualizações de pessoas da sua família ou de seus colegas de trabalho?

Ou então já tentou compartilhar uma foto com seus amigos da faculdade e teve que selecionar manualmente cada um deles?

Se você tem vários amigos isso significa que você teria que selecionar dezenas de pessoas, uma de cada vez.

Mas e se você pudesse facilmente agrupá-los e interagir com eles de uma só vez?

Já que gerenciar uma grande lista de amigos e mantê-la sempre atualizada pode ser muito demorado e não tão divertido, a equipe do orkut decidiu criar uma solução: Grupos automágicos, um novo recurso que, como o nome sugere, “automágicamente” descobre grupos de amigos que você pode ter e também sugere nomes para esses grupos.

Ao clicar em “editar grupos”, na sua página inicial, você verá os grupos que você já havia criado anteriormente, bem como novos grupos sugeridos pelo orkut. Você pode remover esses grupos sugeridos pelo orkut, ou personalizá-los (da mesma forma que você fazia antes com os seus grupos), renomeando, removendo ou acrescentando pessoas para cada grupo. Além disso, o orkut tenta identificar as comunidades mais relacionadas com cada grupo.

Esta novidade torna fácil aquele desejo de filtrar as atualizações dos seus amigos com base em grupos relevantes, diretamente na sua página inicial do orkut. Agora você pode ver facilmente apenas as atualizações de um grupo específico de pessoas a cada vez. Experimente! Basta selecionar um grupo no menu de “grupos” da sua página inicial, bem no topo das atualizações.

Outra novidade legal é que quando você adicionar novos amigos, o orkut irá recomendar grupos apropriados para cada novo amigo.

Portanto, você não precisa mais ficar escolhendo grupos na hora de acrescentar um amigo — o orkut faz o trabalho pesado por você! E claro, você ainda pode adicioná-los a outros grupos, se quiser, ou remover as recomendações feitas pelo orkut.

2 Comments

  1. lucaas 8 de outubro de 2011
  2. mario durao 19 de abril de 2010

Deixe seu Comentário