Ela se apaixonou por um fake, no Orkut. E agora?

Da série “Criar fakes no Orkut é legal?

Ela se apaixonou por um fake!

Maria Cristina*, de 15 anos, só queria conhecer gente nova, mas acabou se apaixonando pelo fake do Zac Efron. Conclusão? Descobriu que ele, na verdade, era ela!

Fique ligada: Encontrar pessoalmente alguém que você conheceu pela internet pode ser a maior roubada!

Veja o que diz conta a Maria Cristina:

“Criei meu fake só para ver como era. Mas comecei a conhecer muita gente por causa dele. Fiquei tão viciada que não conseguia passar mais de três horas sem entrar na página. Ano passado, deixei recado para um fake do Zac Efron e ele respondeu em seguida. Conversamos por scrap por cinco meses, freqüentamos juntos comunidades fakes e, quando percebi, estava apaixonada.

Passava horas sonhando com o garoto e sempre o idealizava parecido com o Zac de verdade. Um dia, ele topou marcar um encontro no shopping. Fiquei supernervosa! Quando cheguei lá, levei um susto: ele, na verdade, era ela!

Sofri demais e resolvi que era a hora de deletar meu perfil fake. Hoje, tento me envolver o menos possível com as pessoas que conheço na internet.”

Lembre que a pessoa do outro lado é um fake. Só por isso, ela já está mentindo”

Além disso, é preciso ser realista. Pare para pensar: “o Zac Efron nunca estaria digitando em português”. Viver conectada o tempo todo e esquecer que há uma vida real também é ruim. Não caia na bobeira de virar uma viciada em internet.

22 Comments

  1. Gabriela 4 de janeiro de 2016
    • lu 12 de janeiro de 2017
  2. anonima 8 de junho de 2013
  3. je 9 de agosto de 2012
  4. Menegah 10 de junho de 2012
  5. camila 3 de junho de 2011
    • Alex Alexandre 27 de maio de 2012
  6. mariana 24 de novembro de 2010
  7. Felipe 14 de novembro de 2010
  8. Felipe 14 de novembro de 2010
  9. Felipe 14 de novembro de 2010
  10. Lαizα' 9 de junho de 2010
  11. Laura' 14 de maio de 2010
  12. lara 26 de dezembro de 2009
    • Mariana 10 de setembro de 2010
      • Felipe 14 de novembro de 2010
  13. Júuh 7 de dezembro de 2009
  14. nanda 18 de novembro de 2009
    • Anônimo 17 de fevereiro de 2015
  15. Aninha 2 de novembro de 2009
  16. Thai 15 de outubro de 2009

Deixe uma resposta para Gabriela Cancelar resposta