Como sincronizar edições no Picasa

A versão 3.9 do Picasa é de 2011, mas sempre vem recebendo correções e novidades.

Um dos mais recentes é o Backup Automático do Google+, um recurso que já funcionava em smartphones e agora está presente nos computadores.

O utilitário instala-se com a versão mais recente do Picasa, mas funciona de modo independente.

Você escolhe as pastas que quer sincronizar automaticamente, incluindo câmeras e cartões de memória.

Se optar por armazenar as imagens em tamanho padrão de até 2 048 pixels, em vez do tamanho original, contará com armazenamento gratuito ilimitado.

As fotos ficam guardadas em uma pasta na rede social até que você decida compartilhá-las.

O Backup Automático do Google+ não tem a ver com a sincronização do Picasa com o a rede social do Google.

A sincronização com a web pode ser ligada para pastas ou álbuns específicos do Picasa.

Quando isso é feito, as imagens são enviadas para o Google+ e quaisquer alterações feitas nos arquivos ou nas pastas são automaticamente atualizadas na versão que está na nuvem, exceto mudanças no nome dos arquivos ou em suas propriedades.

Para usar o recurso, abra uma pasta ou um álbum no Picasa e, no canto superior direito, toque no botão Sincronizar Com a Web para ativá-lo.

Você pode alterar as configurações predefinidas de sincronização, clicando no botão correspondente na caixa de diálogo que surgirá.

É claro que, antes de usar o recurso, é preciso fazer login na sua conta do Google pelo Picasa.

No painel esquerdo, ao lado das pastas sincronizadas, aparece o ícone da sincronização.

SONY DSC

Deixe seu Comentário